Quando se trata de repolho roxo, mais é melhor

Cientistas do Agricultural Research Service USA (ARS), identificaram 36 antocianinas no repolho roxo, incluindo oito que nunca haviam sido detectadas. 

O pigmento roxo da vegetal chamada antocianina faz parte de um grupo de compostos saudáveis da classe dos flavonoides. 

Segundo a nutricionista Adriana Stavro, evidências sugerem que as antocianinas fornecem proteção contra o câncer, melhoram a função cerebral e promovem a saúde do coração. 

Um estudo anterior da ARS mostrou que algumas antocianinas presento no vegetal produzem o dobro do poder antioxidante da mesma quantidade de vitamina C. 

Repolho roxo com maça verde, nozes e edamame 

Ingredientes: 
• 1/2 repolho roxo médio (400 g) fatiado finamente 
• 1 maça verde cortada em cubos pequenos com casca 
• Suco de 2 limão 
• 200g de nozes ou amêndoas ou sementes 
• 1 cebola roxa cortada finamente 
• 1 cenoura média ralada 
• 1 colher de café de sal 
• Pimenta do reino moída na hora a gosto 
• Salsinha e cebolinha picadas a gosto 
• 200g de feijão de edamame cozidos e sem casca 
• 2 colheres de sopa de azeite 

Preparo: 
Coloque o repolho em uma saladeira, junte a maçã, a cebola, a cenoura, o edamame, o sal, regue com o limão e o azeite. Mexa delicadamente, cubra com plástico filme e leve para a geladeira por 1 hora. Retira do refrigerador e acrescente a salsinha a cebolinha, a pimenta do reino e mexa novamente. Coloque as nozes por cima e sirva imediatamente.

Mais sobre Adriana Stavro: 
Adriana Stavro – Nutricionista Funcional e Fitoterapeuta 
Especialista em Doenças Crônicas não Transmissíveis (DCNT) pelo Hospital Israelita Albert Einstein – Mestranda do Nascimento a Adolescência pelo Centro Universitário São Camilo.